PABX virtual vale a pena?

Tempo de leitura: 3 minutos

PABX, sigla para Private Automatic Branch Exchange, ou Troca Automática de Ramais Privados, é uma forma concreta de centralizar suas ligações, seja em ambientes residenciais ou corporativos. Com isso, muitas pessoas e empresas se questionam: PABX virtual vale a pena?

Esse tipo de serviço baseado na nuvem é uma ferramenta moderna que tem chamado a atenção de muita gente. Apesar de aparentar uma dinâmica diferente, esse PABX é similar aos modelos analógicos e digitais, só que conta com características próprias – que podem ser pontuais para os diversos segmentos.

Pensando nisso, escrevemos este artigo para falar esclarecer se o PABX virtual vale a pena e como se dá sua aplicação. Acompanhe.

O que é o PABX Virtual

Primeiramente, vamos falar do que se trata esse tipo de recurso. Como dito acima, é uma solução que está presente na nuvem, ou seja, um software instalado em um data center externo, que não faz parte dos servidores locais da sua casa, residencial e/ou empresa. Dessa forma, as ligações, internas ou externas, podem ser feitas sem a necessidade de uma infraestrutura própria para rodar o PABX. Tudo é realizado de maneira remota, apenas com acesso à internet.

PABX Virtual: vale a pena?

Sim. Há uma série de vantagens que esse tipo de serviço traz em relação ao modelo tradicional. Não à toa, consolida-se no mercado como uma solução buscada cada vez mais pelo mundo corporativo. Entre suas vantagens estão:

– Escalabilidade. Esse é um ponto importante: você pode aumentar (ou diminuir) a quantidade de ramais, por exemplo, de acordo com a sua demanda. Assim, não paga a mais por serviços que não utiliza.

– Custos. É um serviço mais moderno e permite a adoção de chamadas internas dentro de uma empresa sem a necessidade de ter que gastar com uma operadora. Além disso, não há custo com infraestrutura e, consequentemente, manutenção de seu PABX, tornando-o muito mais barato.

– Instalação e manutenção. Em sintonia com o que falamos acima, soluções virtuais desse tipo de PABX são fáceis de instalar e sua manutenção pode ser feita de forma remota. Ou seja: não precisa de técnicos que interrompam outras demandas do seu empreendimento.

– Mobilidade. O virtual possui outra vantagem: pode ser acessado de onde estiver, apenas com uma conexão com a internet. Como se trata de um recurso na nuvem, não é necessário utilizar a infraestrutura da empresa, com as soluções do PABX virtual funcionando em lugares remotos, como em outros países.

– Produtividade. Todos esses fatores redundem na produtividade das suas rotinas produtivas. Com os mesmos recursos de outros PABX, o virtual também possuí desvio de chamadas, URA, gravações, ramais interligados, entre outros. Isso redunde positivamente na produtividade da equipe, que não perde tempo com operações manuais.

Conclusão

Sabendo se o PABX virtual vale a pena, deve-se destacar que o processo de migrar soluções que não são baseadas na nuvem para esse serviço moderno podem causar um receio no começo.

Contudo, por sua facilidade, economia, mobilidade e as vantagens que citamos até aqui, em poucos dias, todos conseguem compreender a importância de se adaptar à realidade: um mundo corporativo digital, virtual e integrado.

Gostou e quer ficar por dentro de todos os conteúdos? Acesse o nosso site e nos siga no Facebook|Instagram para sempre ficar por dentro de novos conteúdos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *